Seminário abordou novas fontes de recursos para políticas públicas

Diante do cenário de restrições orçamentárias, as administrações municipais precisam pensar em outras fontes de recursos para o desenvolvimento de políticas públicas. O cenário foi traçado pelo diretor-executivo da Associação Brasileira de Municípios (ABM), Eduardo Tadeu Pereira, durante o seminário Acelera – Captação de Recursos para Implementação da Agenda 2030 nos Municípios, realizado na última quarta-feira (6/11) na sede da entidade, em Brasília.

Eduardo Pereira apontou os recursos não-governamentais como uma possibilidade, mas alertou para a necessidade de capacitação da gestão municipal para que sejam estruturados projetos adequados e inovadores. Neste cenário, ele identificou o potencial de iniciativas vinculadas ao desenvolvimento sustentável. O diretor da ABM destacou como importante a conexão da realidade local à agenda mundial, especialmente a dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) definidos no âmbito da Organização das Nações Unidas (ONU).

A associação dos 17 ODS com os ambientes municipais foi destacada nas palestras realizadas durante o Seminário por representantes da Caixa Econômica Federal, do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), da Agência de Cooperação Alemã (GIZ) e do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). Günther Wehenpohl, diretor de Programa da Agência de Cooperação Alemã (GIZ), falou da importância da gestão eficiente, na qual também devem ser considerados o custo da operação e da manutenção dos projetos. “Não é só a questão dos recursos”, reforçou.

O Seminário Acelera – Captação de Recursos para Implementação da Agenda 2030 nos Municípios, promovido em parceria com o Escritório de Aceleração de Projetos (EAP 54), fez parte da programação do Seminário Regional Centro-Oeste do projeto Parceria pelo Desenvolvimento Sustentável, desenvolvido pela Associação desde 2017 com financiamento da União Europeia no Brasil. O próximo seminário, que abrangerá a região Sul, será realizado nos dias 5 e 6 de dezembro em São Leopoldo (RS).

Nos últimos meses, em apoio ao fortalecimento técnico e à capacitação de gestores e servidores públicos municipais, a ABM, em parceria com o EAP 54, passou a oferecer um conjunto de cursos técnicos. A parceria será ampliada com a estruturação de um pacote de serviços às prefeituras associadas.

Leave a Reply